EFEITOS DO PNF ISOLADO E ASSOCIADO AO DESLIZAMENTO SUPERFICIAL LENTO NA MELHORA DE FLEXIBILIDADE DOS MUSCULOS ISQUIOTIBIAIS

O objetivo deste estudo é quantificar a alteração da amplitude de movimento da extensão de joelho ativa após a aplicação do alongamento tipo contrair-relaxar isoladamente e associado ao deslizamento superficial lento. Materiais e métodos: O estudo se realizou na UNISUAM, com 21 voluntários randomizados em 2 grupos: grupo A –alongamento tipo contrair-relaxar; grupo B – alongamento do tipo contrair-relaxar precedido de deslizamento superficial lento. As avaliações pré e pós-intervenção foram executadas segundo o teste ativo de extensão do joelho. Resultados: O grupo A (n = 10), angulação média pré de 151,73º 12, angulação pós de 156,27º  12,6. O grupo B (n =11), angulação média pré de 156,39º  9,8, angulação pós de 162,06º  10,4. Conclusão: Houve aumento na amplitude de movimento da extensão ativa do joelho maior no grupo A do que o grupo B, porém a diferença não foi estatisticamente significativa, após o alongamento isolado ou associado ao deslizamento superficial lento.