Inclusão do aluno com síndrome de down na educação básica

O trabalho apresenta uma discussão sobre o processo de inclusão dos portadores da síndrome de Down na educação básica. Dessa maneira, pretendemos apresentar uma análise através de uma apresentação bibliográfica que possa contribuir para o processo de inclusão e/ou adaptação para desenvolvimento dos portadores da síndrome de Down. O desenvolvimento neuropsicomotor do portador da síndrome de Down envolve esforços de vários profissionais, do poder público e dos familiares. No presente artigo iremos tratar do ambiente escolar e dos profissionais da educação. Nesse sentido iremos realizar uma abordagem a partir do contexto histórico e o papel que a educação inclusiva deve realizar sobre as pessoas portadoras dessa patologia. A abordagem do trabalho não vai limitar a um determinado período da educação, embora a discussão a respeito da educação especial ganhou visibilidade a partir da década de 90. Isso, no entanto, possibilita novas discussões, aumentando a importância de análise sobre o tema. Nesse sentindo, devemos acrescentar a necessidade de programar políticas públicas direcionadas não somente aos portadores da síndrome de Down, mas de pessoas que são portadoras de certas patologias que dificultam a inserção ao processo educacional.

PALAVRAS-CHAVE: Síndrome de Down. Inclusão. Histórico. Educação.