Uso dos marcadores tumorais utilizados no diagnóstico, acompanhamento e tratamento do câncer e principais marcadores do câncer de mama e câncer de pulmão

- O câncer é uma doença que vem aumentando consideravelmente no decorrer dos anos, e sendo assim os marcadores tumorais são potencialmente úteis para detectar a sua presença, auxiliar o diagnóstico, avaliar o prognóstico, avaliar as condições clínicas como respostas ao tratamento, e monitorar sua evolução. Os marcadores tumorais são moléculas presentes no organismo, e seu aparecimento ou aumento de suas concentrações estão relacionados com a gênese e com o surgimento de células neoplásicas. Esse estudo apresenta um levantamento bibliográfico sobre o uso dos marcadores tumorais utilizados no diagnóstico, acompanhamento e tratamento do câncer e principais marcadores do câncer de mama e câncer de pulmão utilizados na prática clínica e suas características. Foram focados resumidamente os marcadores tumorais: CA 15-3, Catepsina D, Antígeno Carcinoembrionário (CEA), C-erbB-2, CYFRA 21.1, NSE e PCNA. O CA 15-3 foi destacado como principal marcador utilizado do tumor de mama, e o CEA no tumor de pulmão. O uso dos marcadores tumorais é uma análise complementar aliada a outros exames, sintomas e histórico do paciente. Conclui-se que sua utilização no seguimento neoplásico, é de extrema importância, pois, quando são detectados, possibilita ao clínico definir a terapia mais adequada proporcionando aos pacientes maiores chances de controle e cura da doença. Contudo se viu a necessidade de mais estudos para que seja encontrada a identificação de um marcador ideal para o câncer mamário e o câncer pulmonar ou marcadores relevantes em seu prognóstico.

PALAVRAS-CHAVE: Marcador Tumoral. Câncer de mama. Câncer de pulmão. Diagnóstico de câncer.