REPRESENTAÇÕES DOS PROFESSORES E ACADÊMICOS DE EDUCAÇÃO FÍSICA: EVOCAÇÕES SOBRE A PROFISSÃO, CARACTERÍSTICAS PESSOAIS E COMPETÊNCIA TÉCNICA

Cláudio Castro de Jesus; José Henrique dos Santo

Esta pesquisa objetivou investigar as percepções dos professores de Educação Física escolar sobre sua identidade profissional. O estudo desenvolveu-se com base nas identificações das percepções dos próprios professores. Apoiou-se na teoria das Representações Sociais, propostas por Moscovici (2001, 2003), assim como em estudos de Identidade, principalmente de Silva (2000). A pesquisa de campo utilizou um questionário, composto por técnicas de associação de palavras, ao lado de perguntas abertas e fechadas. Responderam ao questionário 23 professores de escolas municipais, estaduais e particulares além de 21 acadêmicos de Educação Física, cursando o quinto período. Os alunos da graduação foram escolhidos por já estarem numa fase em que podem estagiar, de acordo com a legislação vigente. A pesquisa revelou que entre os professores predomina uma percepção de profissão associada à dimensão educativa, enquanto entre os acadêmicos prevalece uma percepção “professor atleta”. Conclui afirmando a necessidade de se investir numa formação crítica, a fim de se evitar o individualismo e a competição que caracterizam a visão neoliberal da Educação Física.

Participe você também da maior rede acadêmica da Educação Física Escolar. Entre em contato se tiver mais dúvidas.

rebescolar@rebescolar,com

 

Tel. +55 (11) 98508-7766

  • White Facebook Icon
  • White YouTube Icon

Bottom

Top