RESENHA DO LIVRO “ABORDAGENS PEDAGÓGICAS DO ESPORTE: MODALIDADES CONVENCIONAIS E NÃO CONVENCIONAIS”

Maria Eloisa de Oliveira; Guilherme Andrade Remião; Pauline Iglesias Vargas

Resumo
A presente resenha buscou analisar e apresentar as contribuições do livro “Abordagens Pedagógicas do Esporte: modalidades convencionais e não convencionais”. Este livro foi organizado por Vilma Nista-Piccolo e Eliana de Toledo, docentes da Faculdade de Educação Física (FEF) da Unicamp. A obra traz 17 modalidades, divididas em dois capítulos: modalidades convencionais e não convencionais. Os autores abordam diferentes pedagogias para cada esporte, indicando para o profissional de Educação Física possibilidades para atuar de forma assertiva na ensino-aprendizagem dos esportes. A obra é rica em conteúdo específico de cada esporte, apresentando a história, contexto atual e exemplos práticos. Contudo, observou-se que a classificação das modalidades foi guiada por critérios subjetivos.

Referências

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2017.
FERRAZ, O. L.; CORREIA, W. R. Teorias curriculares, perspectivas teóricas em Educação Física Escolar e implicações para a formação docente. Rev. bras. educ. fís. esporte, São Paulo, v. 26, n. 3, p. 531-540, set. 2012. Disponível em <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-55092012000300018&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em:21/08/2020.

CALLAI, A. N. A.; PICCOLO BECKER, E.; SAWITZKI, R. L. Considerações acerca da Educação Física escolar a partir da BNCC. Conexões, v. 17, p. e019022, 11 dez. 2019.

GESAT, René Augusto et al. Retrato das disciplinas de tênis dos cursos de graduação em Educação Física do estado do Paraná. Caderno de Educação Física e Esporte, [S.l.], p. 11-17, jul. 2020. ISSN 2318-5090. Disponível em: <http://e-revista.unioeste.br/index.php/cadernoedfisica/article/view/24577>. Acesso em: 18 set. 2020. doi:https://doi.org/10.36453/2318-5104.2020.v18.n2.p11.

NEIRA, Marcos Garcia; SOUZA JÚNIOR, Marcílio. A Educação Física na BNCC: procedimentos, concepções e efeitos. Motrivivência, Florianópolis, v. 28, n. 48, p. 188-206, set. 2016. ISSN 2175-8042. Disponível em: <https://periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/article/view/2175-8042.2016v28n48p188/32570>. Acesso em: 17 set. 2020. doi:https://doi.org/10.5007/2175-8042.2016v28n48p188.

NISTA-PICCOLO, V.; DE TOLEDO, E. Abordagens pedagógicas do esporte: modalidades convencionais e não convencionais. Papirus Editora, 2018.

SANTANA, W. C. A tarefa da pedagogia do esporte na infância à luz do paradigma da complexidade. Pedagogia do Futsal, 2002. Disponível em: http://www.pedagogiadofutsal.com.br/interna_artigos.aspx?id=10. Acesso em: 18/06/2020.

VYGOTSKY, L. S. A formação social da mente. Trad. José Cipolla Neto, Luís Silveira Menna Barreto e Solange Castro Afeche. 6ª ed. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

Participe você também da maior rede acadêmica da Educação Física Escolar. Entre em contato se tiver mais dúvidas.

rebescolar@rebescolar,com

 

Tel. +55 (11) 98508-7766

  • White Facebook Icon
  • White YouTube Icon

Bottom

Top